Início » A economia de uma Construção Sustentável

A economia de uma Construção Sustentável

Eu economizo em uma construção sustentável? Construções sustentável podem proporcionar para a obra retorno financeiro e mais qualidade de vida.

Construção sustentável

Estamos vivendo em um momento que a prática da sustentabilidade na construção civil não é mais um diferencial, mas um passo importante para preservar o futuro das novas gerações. A construção civil como todos sabermos é o setor que mais gera resíduos, sendo responsável por uma média de 30% a 40% das emissões de CO2.

O objetivo do desenvolvimento sustentável das construções é produzir edificações mais confortáveis, eficientes, com maior qualidade e diferenciais que contribuem para preservação ambiental.

Mas, o que é uma Construção Sustentável?

É uma construção amiga do meio ambiente, pois no seu processo construtivo são utilizados materiais e soluções que não agridem o ecossistema, preservando os meios naturais.

A sustentabilidade na construção civil é um avanço no setor que sempre seguiu os métodos convencionais que não priorizavam esta demanda, estamos vivendo uma crescente procura pela sustentabilidade devido os benefícios que ela proporciona não somente na questão ambiental, mas também no âmbito social e financeiro.

Neste sentido estão sendo criadas leis de incentivo financeiro, como políticas públicas para desenvolver as construções sustentáveis no país.

No Brasil também é possível conquistar para seu imóvel certificações sustentáveis, elas garantem que a construção seja 100% sustentável, as principais são: LEED, Green Buildings Council (GBC Brasil), Selo Procel PBE Edifica e do Selo Casa Azul da Caixa. Estas certificações atestam que as construções certificadas sejam saudáveis para o meio ambiente, para receber a certificação são seguidos diversos critérios durante todas as etapas de planejamento e construção da edificação.

Quais materiais utilizar em minha Construção Sustentável?

Na construção a seco, em específico o sistema Steel Framing, são utilizados materiais que não geram impacto ambiental negativo, assim como reduzem os desperdícios de materiais e sobras excessivas, deixando o canteiro de obras limpo. Os materiais podem ser reciclados e reaproveitados na fabricação de novos materiais.

O sistema construtivo utiliza água somente para o a fundação, ou seja, é uma construção que possui o mínimo de utilização de água, além disso possui racionalização de materiais e fidelidade orçamentária.

O Steel Frame também possui um diferencial em relação ao desempenho térmico e acústico, sendo que a questão térmica influencia diretamente na sustentabilidade, pois um ambiente confortável termicamente faz com que seja utilizado em menor escala o ar condicionado, resultando em menor utilização de energia elétrica.

construção sustentável

Além do sistema construtivo é importante utilizar materiais sustentáveis, como a utilização de Telhas Shingle, Piso Vinílico, Esquadrias de PVC, Portas Internas com material de procedência garantida, Revestimentos Sustentáveis e Brises.

Telhas Shingle: São telhas sustentáveis pois possuem vida longa e são extremamente resistentes. O Telhado Shingle é um sistema impermeável e estanque, problemas como goteiras, quebras de telhas, animais e aves no telhado não existem com este tipo de telhado, não é à toa que a Telha Shingle é chamada de melhor telha do mundo.

Piso vinílico: ele é considerado sustentável pois é reciclável, sua instalação é rápida e limpa, além disso, os pisos Tarkett emites baixos índices de COVs e são livres de Ftalatos e formaldeídos.

Esquadrias de PVC: São sustentáveis, pois são fabricadas com materiais que podem ser reciclados e reaproveitados, além disso, possuem alto desempenho acústico e térmico, deixando o ambiente mais confortável e minimizando a utilização de ar condicionado, resultando na diminuição da utilização da luz elétrica. As Esquadrias de PVC podem ser utilizadas em grandes vãos proporcionando mais iluminação e ventilação para as edificações.

Portas internas: Priorizar a escolha de Portas Internas de qualidade e com matéria prima proveniente de reflorestamentos, como as portas Rohden.

Revestimentos: A finalização da obra é uma etapa que também precisa ser analisada, a escolha de revestimentos sustentáveis é muito importante. A Texturise é uma linha de revestimentos inteligentes que possuem formas e texturas semelhantes as pedras naturais, além disso, possuem fácil instalação e são materiais leves, é um produto que não agride o meio ambiente.

O Woodlines é um painel com aparência de madeira ripada, o revestimento é composto de fibras de bambu e matéria prima reciclada. O revestimento Siding Vinílico possui a aparência de réguas de madeira, é um material ecológico em PVC que possui em sua composição cerca de 60% de matéria prima reciclada, é um material leve, fácil de instalar e com facilidade de limpeza.

CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL

Brises: Os Brises são materiais que contribuem para uma construção sustentável, eles diminuem a incidência do sol e excesso de ventos dentro do ambiente, deixando o local mais confortável.

Energia Solar: é necessário potencializar o uso de energias renováveis, como a Energia Solar, com ela pode ser economizado até 95% da fatura de energia elétrica, é uma energia limpa e gratuita. E o melhor, o sistema se paga em até 60 meses, e os componentes fotovoltaicos podem ser reciclados.

 

Uma Construção Sustentável é mais cara?

Segundo dados da plataforma Sienge, a execução de um projeto sustentável pode gerar um custo médio de 15 % maior do que uma construção convencional, mas após a conclusão da obra a economia pode chegar a 30%, ou seja, é um investimento importante e com retorno financeiro, assim podemos concluir que a sustentabilidade e a economia estão juntas.

Além disso, um imóvel com materiais industrializados e sustentáveis possui valorização financeira maior, segundo a cartilha da cartilha do Ministério do Meio Ambiente (MMA), construções sustentáveis valorizam, em média de 10 % a 30%.

Também uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Incorporadoras imobiliárias (ABRAINC) e pela Brain Inteligência Estratégica constatou que os brasileiros pagariam mais para morar em um imóvel sustentável.

As construções sustentáveis são um investimento que alia a preservação ambiental, a questão financeira e a busca por mais qualidade de vida, bem estar e conforto.

A Espaço Smart trabalha com materiais sustentáveis, eficientes e de qualidade, visite nossas lojas e encontre os materiais que vão valorizar ainda mais sua obra e trazer mais qualidade de vida para sua família! Estamos lhe esperando!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS

Facebook
Instagram
Pinterest
Linkedin
Youtube
Email
Whatsapp

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Você pode gostar